"Querida, você tem um coração na garganta"
Minha avó

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Russo não tem

Andrea de Barros, talentosa poeta e grande amiga minha, estuda russo já há algum tempo (desde que a conheço, há cerca de 4 anos, a vejo às voltas com o alfabeto cirílico) e esses dias, pelo blog dela, descobri que não existe o verbo ter em russo. Muito interessante sua descoberta e sua observação acerca do fato. Quem quiser ler mair passa

12 comentários:

Anônimo disse...

Logo russos não tem tem?! Andrea assim como os outros comentaristas do seu ecelente blog é fantastica! Só intelectuais verdadeiros participam do seu blog [ nao sei o que faço aqui ....!!!!!!!!!!]

Vera Helena disse...

Imagine!!! Voce e fantatstico, anonimo!!

Victor Hugo disse...

Olá vera!

Segui teu conselho e passei lá. Muito legal Meeeeeeeeeeeesmo! Hehehe.

Um beijo deste teu amigo que te admira muito!

Victor Hugo

Vera Helena disse...

A Andrea é ótima, não

Outro beijo da amiga que também te admira muito

Andrea disse...

Puxa Vé, fico até sem jeito com a sua generosidade e extrema gentileza comigo e com meus textos. Além da nossa amizade tão querida, ter você como leitora é um privilégio! Muito obrigada, sempre.
Beijos e saudades,
Andrea

Vera Helena disse...

Andrea, querida, adoro seus textos, sempre. O privilégio é meu! Beijos e saudades, Vé

Raskólhnikov disse...

*éh! essa coisa de possuir é coisa de capitalista.


e que bom ver duas amigas assim. vida longa à amizade de vcs e de todos aqueles que se curtem. existir é isso mesmo; é se encontrar, é se viver e se curtir.





*(obs.:tenho um tio que ia adorar me ver escrevendo isso.);O)

Vera Helena disse...

Vida longa, Raskólhnikov!

Abraço,

Vera

3 x Trinta - Solteira, Casada, Divorciada disse...

Oi Vera,

Que coisa linda, só li agora. Amei. Muito profundo.

Vc vai desfilar? Que ótimo, vamos ver se dá para ir juntas. Falo com a Debs.

Beijos,

Bela

Vera Helena disse...

Bela
Lindo mesmo, né. Então, não sei se dá mais tempo. Queríamos desfilar, eu e meu marido, pela Nenê, mas deixamos passar muito tempo. Verei com ele. Caso vá, te falo, para combinarmos.

Beijos,

FRANCISCO LEGAZ disse...

Intento entender tu idioma tan bello.
Un beso.
Francisco legaz

Vera Helena disse...

Gracias;) O seu idioma também o é.

Outro beijo.

Vera